Archive | Geral RSS feed for this section

É possível…

1 fev

3 coisas que aprendi durante este ano que são possíveis:

 

1) É possivel morar com a gente não gosta!

Trabalhar com quem a gente não gosta é normal, afinal são poucas as pessoas que tem o privilegio de trabalhar só com gente bacana! Ainda mais raro é ter um chefe gente boa e poder dizer que o ama!
Mas…morar com pessoas que a gente não ama, dividir o mesmo teto com alguem que vc nao faz questão de conversar e o seu chefe ser  a primeira pessoa que vc vê no começo do seu dia… é bem diferente, e ruim!
No dia 15 de fevereiro faria 3 meses que stou aqui nesse casa, e pra mim parece muiiito mais tempo! Ultimamente, o clima tem piorado nessa casa, e sair daqui tem sido o meu maior desejo!!! (graças a Deus, só mais 3 diasssss…)
Enfim..! Uma  coisa eu aprendi aqui: é possivel sobreviver!!! 🙂 Todos somos muito mais adaptaveis do que imaginamos, e se determinada situação pede de vc um ‘sorriso’, ou um ‘por favor’, mesmo quando você quer xingar o mundo… Meu, vc SORRI e falar POR FAVOR sim… simplesmente pq você tem que fazer isso!
Não sei o pq mas eu tinha o sentimento de que eu só conseguiria morar em um lugar onde eu me sentisse bem… Agora, por esperiência própria, eu sei que isso não é verdade!! Eu consigo sobreviver SIM em uma casa onde eu não me sinto nadaaaa bem!!
OBS: ‘SOBREVIVER’ É DIFERENTE DE ‘VIVER FELIZ’..!
2) É possivel namorar a distância!

Quando eu vim pra ca, eu tinha quase 10 meses de namoro. Quando o meu namorado chegou aqui, jah tinham se passado quase 11 meses… Ou seja, por um momento na minha vida, eu cheguei a namorar mais tempo a distancia, do que de pertinho!
Cara, nao posso dizer que foi fácil… Foi qualquer coisa, menos facil!!! Mas o fato de eu ter adicionado na minha historia 1 ano nos Estados Unidos – e tudo o resto que vem junto con essa experiencia incrivel – fez valer muito a pena cada minuto de dor e tristeza – principalmente em função da SAUDADE..! E digo mais… PASSOU!!! Aquela agonia toda que me incomodou por tanto tempo… é passado! E meu, eh tãoooo bom estar juntinho novamente! 😀 Tão bom!!!!…
No meu relacionamento, algumas coisas mudaram e, até aonde eu descobri, só mudaram pra melhor 😀
Meninas… vale a pena  SIM ficar longe do amado, por um tempo determinado, em troca de um ano ÚNICO, de uma experiência só sua… de mais ninguém! Vale a pena pelas histórias e aprendizado que você terá aqui… e vale a pena também pois faz muito bem pro relacionamento (caso vocês superem essa barra… e se não superar também, é pq não é esse o homem que Deus tem pra você, certo??) 😀

3) É possível estar longe de todos os seus conhecido, e não sentir-se sozinha!


Não importa aonde vc vai nesse mundão, sempre há alguém! Sempre hé alguém pra conversar, pra passar tempo, pra conhecer e aprender alguma coisa..! Sou da opinião de que sempre há o que aprender com as pessoas, basta estar com o coração aberto pra isso!
Durante este ano, senti muiiiita falta dos meus amigos/irmãos do Brasil, mas cara… eu conheci tanta gente massa nesse lugar, gente com que eu me diverti tanto, aprendi tanto e compartilhei tanta coisa boa… Que não posso reclamar que estive sozinha durante este ano! Tive conversas que eu nunca quero esquecer e aprendi a amar determinadas pessoas de um jeito que aaaaaaaah.. da até um aperto no coração só de pensar que terei que me despedir delas!…
Outra coisa que aprendi com relação a ‘companhia’ é: DEUS É A NOSSA ÚNICA COMPANHIA 24h..!!! Não importa aonde, não importa a sua aparência ou quão quebrado o seu coração está, Ele SEMPRE está por perto… e falar com ele deve sempre ser a nossa primeira escolha..!

Having a good time :)

23 jan

Desde que meu namorado chegou aqui nos EUA… tudo mudou! 😀 tudo mudou pra melhor!

Em primeiro lugar, te-lo por perto fez com que a saudade (relacionada com a minha familia e amigos do Brasil) desse uma amenizada. Acredito que ele me faz sentir ‘em casa’, por isso estou com coração bem mais leve e feliz.

Além disso, meus finais de semana tem sido os melhores da história. Claro que os fds sempre são os melhores dias da semana, simplesmente pq eu não tenho que trabalhar. Mas o fato de ter o meu menino do meu ladinho, pra passar o dia em New Yor City… é simplesmente maravilhoso. NYC já é fantástica por si só, imaginem como que é ter ‘NYC + MinhaCompanhiaFavorita’ juntos!! 😀

Infelizmente não posso ver o Dani durante a semana pois ele tem que estudar e eu tenho que trabalhar. Mas eu não posso reclamar disso não… Tenho aproveitado a semana para curtir as minhas amiguinhas aqui da região! Estou com o dias contados pra ir embora e quero aproveitar o máximo que der de cada um aqui. No total, ficarei apenas 3 meses em Scarsdale/NY mas, independente do tempo ter sido curto, fiz algumas amizades aqui que eu quero levar pro resto da vida comigo!

…dói o coração pensar nisso!

Não acredito que está quase na hora de eu voltar pro Brasil!!… PASSOU MUITO RÁPIDO!

NATAL MÁGICO

4 jan

Mesmo não estando com a minha família no Brasil, curtindo o verão e comendo um peru do bom… tive um natal MARAVILHOSO! Fui para a casa da minha antiga host family (aqueles que eu amo de paixão =D) na quinta feira e o clima do natal já começou a tomar conta de mim. Diferente da casa onde eu moro (pois meus hosts são judeus), a casa estava super lindinha decorada para o natal! Vários papais noel do lado de fora da casa, arvorezinha de natal toda iluminada na sala de estar, varias luzes, velas, decorações, etc.. tudo estava LINDO! Debaixo da árvore já haviam alguns presentes e a casa já estava com cheiro de COMIDA BOA! =D Meu coração se encheu de alegria só de CHEGAR lá.. me sinto completamente em casa, amada e bem vinda com esta familia! Como se já não bastasse a alegria de estar “em casa”, meuS pequenos me echeram de beijo e abraço, tive várias conversas boas com meus amados e eternos host parents, aproveitei que estava pertinho e sai com algumas amigas bem especiais, tive várias conversas boas com elas tambem… e QUASE coloquei um piercing… hahaha foi QUASE pq achei muito caro! No Brasil eu faço =D   Como a minha familia de Campbell Hall é +- latina, a janta apavorou demais no dia 24!! A familia toda se reuniu na minha casa, comemos que nem uns cavalos, e depois a parentada trocou presentes!! Lá pelas 11 da noite, a casa se aquietou! Todos foram embora e as kids foram direto pra casa pq não viam a hora que o PAPAI NOEL viesse deixar os presentes embaixo da árvore. Assim que as kids foram dormir, meus hosts terminaram de empacotar os presentes e eu os ajudei a organiza-los ao redor da árvore!! Meu, nunca vi tanto presente junto na minha vida..!! Absurdo, serio!!! Enfim..! Meia noite e tudo estava no seu devido lugar!! Mal coloquei a cabeça no travesseiro e.. advinha??! Os 4 pirralhos acordaram e correram lah pra baixo para abrir os presentes!! Me bateram na minha porta ateh que eu saisse para ver o que eles tinham ganhado!!… Passamos uma hora e meia abrindo os presentes e pirando com as kids!! Papai noel deixou coisinhas pra mim tbm =D 2h da matina voltei pra cama… e as 6h eu jah tava de peh!!.. INSONIA??  NAOOOO!!! Meu namorado LINDOOOOOOOO estava a caminho de NYC e eu nao podia me atrasar! Todos estavam dormindo quando eu sai de casa! Gracas a Deus cheguei a tempo no aeroporto e estava PRONTA… PRONTA pra encontrar o meu lindo novamente, após 11 meses longe!! PRONTA, PRONTA.. eu nao tava neh?! hahaha nervosismo e ansiedade a flor da pele, soh queria ir no banheiro e mais nada! hahaha Ainda bem que encontrei um casal que falava português e me distraí um pouco.. – se nao, teria morrido =P 11h30 da manhã, do dia 25 de dezembro de 2011 =D o meu menino sai de uma sala do aeroporto, passando por uns seguranças, olhando as placas pra saber aonde ir! Cara de perdido.. até o momento que ele me viu! Eu abri um sorriso meio bobo e a cara dele de ALÍVIO foi… cara, foi a alegria do meu dia! Daí pra frente eu nem sei dizer direito o que aconteceu! Tava muito boba na hora pra poder contar exatamente o que eu fiz ou deixei de fazer! Só sei que tudo que eu tinha pensado, planejado.. morreu!! E eu morri junto… morri e acordei nos braços do meu lindo!!… BOM DEMAIIIIIIIIIS! Eu e meu namorado voltamos juntos de trem para Campbell Hall. Chegamos lá e a Lauren – minha host mom – foi nos buscar na estação. Juntos, os 3, fomos pra casa da irma do meu host para jantar!! Como uma boa familia latina, eles estavam nos esperando com um baita sorriso, baita abraço, muito barulho e comida!

Comemoramos o Natal duas vezes..! Agradecemos todos juntos pelo nascimento de Jesus e por podermos estar reunidos em FAMÍLIA!!

 

… MUITO BOM =D

 

Tenho que compartilhar com vocês um vídeo que meu host dad gravou na sexta, dia 23! Eu falei pros meus meninos que queria muito poder destruir algo com um taco de baseball.. e advinha???!! Eles contruiram uma parada.. só pra eu poder destruir.. GOSTOSOS!! =D da uma olhadinha:

 

Próxima parada..?

4 jan

Demorei pra decidir se iria estender meu ano como au pair, ou se iria voltar pra casa com 1 ano de intercâmbio nas costas, pois foi bem dificil achar dentro de mim o que EU QUERIA! Falei com várias pessoas durante este ultimo mês, mas infelizmente ninguém realmente podia me ajudar a decidir o que era melhor pra mim (nao pra minha host family, nao pra minha familia no Brasil… PRA MIM).

Tipo de decisão que era entre EU e DEUS… mais ninguem!

Após muito orar, muito pensar, fazer listinhas comparando os lados positivos e negativos entre ficar aqui ou voltar pro Brasil, chorar, pensar e orar mais um pouco…decidi que queria voltar pro Brasil!! Estava em paz, feliz da vida.. DECIDIDA! Acordei no dia 16 de dezembro, com aquele sentimento: “É hoje que eu falo com a minha host mom”! Chamei a bicha pra conversar e… advinha??!! Antes mesmo que eu conseguisse criar coragem pra contar da minha decisao, ela falou algo do tipo:
“Nicole, nós realmente queremos que você fique conosco e por isso eu tenho algumas propostas para fazer pra você! O que você acha de estender apenas por 6 meses e dai, como as crianças irão para um acampamento de verão, eu lhe dou julho como férias e daí você poderia voltar para o brasil no final de junho. Além disso, nós pagaríamos qualquer curso que você desejar, inclusive curso nível universitário, e acrescentaríamos $50 no seu salário semanal!!”

 O queee??.. pois eh, cara bem de perdidade e feliz que eu fiz! Eu estava toda decidida a voltar pra casa e a mulher me vem com uma dessas!!!

Como vocês podem imaginar, lá se foi mais uma semana de pensamentos, orações, dores de barriga, agonias, choros, conversas, etc!

No dia 21 de dezembro, a minha host family ia viajar e só voltaria no dia 24!! Meu, eu TINHA que decidir isso antes do NATAL… não queria passar o natal com toda essa pressão na cabeça, além disso, não podia esperar mais pois a minha agência teria que receber todos os meus papéis e documentos até dia primeiro de janeiro… senão eu me ferrava toda 😛

Antes de a minha host mom ter me feito essa proposta, eu não conseguia pensar em nenhum motivo bom o suficiente que me desse vontade de ficar aqui nos EUA por mais tempo! Mas depois que ela falou tudo isso, orei e decidi que ficaria aqui caso eu achasse um curso bacana e estudasse algo que realmente pudesse me ajudar na minha carreira no Brasil, ou até mesmo na minha vida pessoal.

Depois de ter procurado MUITO, eu achei o que eu queria! Era um curso de “comércio internacional relacionado com administração”. O curso de 6 meses sairia por $2100, o que é muita grana!! A minha host family não tem obrigação nenhuma de pagar tudo isso pra mim, mas como eles são cheios da grana e falaram que pagariam QUALQUER COISA, INCLUSIVE CURSO DE NIVEL UNIVERSITARIO… eu achei que eles poderiam topar a ideia!

No dia 20 a minha host me chama e fala que conversou com a minha coordenadora local e que ela só poderia pagar pra mim $250 (que é o que a agencia pede)!!.. Na hora que ela falou isso, um sentimento forte ja entrou na minha cabeça e no meu coração: “É hora de ir pra casa”!
Passei o resto do dia procurando uns cursos mais baratos, mas nada tinha valor aproximado a $250, e os que tinham eram todos de ESL (English as a second language — Ingles como segunda lingua) e eu já tinha feito esse curso 2 vezes!

Na manhã seguinte, em uma quarta feira, dia 21 de dezembro, +- 10 horas da manha (sim.. eu lembro todos os detalhes =P ), eu chamei a minha host mom e falei: “Rebecca, eu realmente tentei achar algum curso mais barato, mas eu não encontrei. No momento eu não tenho nenhum motivo que me faça ficar aqui e eu realmente acho que está na minha hora de ir pra casa.”
Claro que eu não fui tão direta – não sou boa com as palavras – mas ela entendeu e falou que estava tudo bem, que eu tinha que fazer o que era melhor pra mim!
Neste mesmo dia, entrei em contato com a minha agência, mandei todos meus documentos e formularios escolares, e agora está tudo certo!! Até meu vôo já está agendado!! =D saio daqui dia 15 de FEVEREIRO!!!

Desde a minha ultima conversa com a minha host, ela tem me tratado um pouco esquisito, e eu sei que ela não tem se empenhado tanto pra me fazer feliz como ela se empenhava antes!!… Eu estou tranquila e mais ansiosa do que nunca para ir pra casa!! Tenho curtido as minhas amiguinhas aqui da minha área o máximo que posso e tenho também curtido a minha REGIÃO de uma maneira que nunca tinha feito antes!!

Final do dia em Scarsdale...

Agora… respondendo a perguntinha do título deste post: A proxima vez que eu pisar o meu pézinho em um avião, a minha próxima parada será a MINHA CASA!!! =D Sim… 43 dias para estar no meu BRASIL ❤

+ aliviada

6 dez

Hoje fazem exatos 10 meses que saí do Brasil e, além da saudade estar gigante e zoar tudo aqui dentro, tenho carregado um sentimento “pesado” no meu coração: A dúvida entre estender ou não estender.

Hã três meses atrás, eu escrevi um post sobre esta grande decisão que toda au pair um dia tem que tomar na vida. No final das contas eu decidi ESTENDER por 6 meses! O tempo passou, muitas mudanças aconteceram, e agora é época de decidir novamente!

Cheguei na minha atual casa fazem exatamente três semanas e em +- dez dias tenho que dizer pra minha host mom se FICO ou se VAZO! A minha agência está me mandando emails do tipo “Atencão! Última chance para estender!!” e cada dia que passa fico com o coração mais apertado porque no fundo não queria ter que decidir isso, muito menos ter que contar pra minha família/namorado/amigos que vou FICAR, ou falar pra host family que estou VAZANDO!

Neste último fds que passou, eu decidi que queria conversar com a minha host mom antes de eu dar a resposta definitiva! Ela tem sido muito bacana comigo, tanto ela quanto o host dad! Eles são super sompreensivos e sempre tentam ver o meu lado da situação! Os meninos também são uns queridos e a cada dia tenho aprendido a gostar mais deles!… Não queria carregar o sentimento de que estou fazendo algo de ruim pra eles… tipo, eu sei que chegar na casa de uma família, passar por um tempo de adaptação, aprender os costumes, manias, regras, etc… nunca é fácil! Não é fácil pra au pair, muito menos pra host family! E passar por tudo isso, pra ter a au pair por apenas 3 meses… – querendo ou não – é sacanagem!

Por consideração a eles, resolvi conversar com a minha host mom e falar tudo o que estou sentindo! Como estava com medo de esquecer qualquer detalhe, escrevi uma cartinha soh pra ajudar a minha memória (que por sinal é BEM ruim). Saca só:

 

Eu tenho +- 10 dias para decidir se ficarei por aqui ou se voltarei para o Brasil. Eu sei, vejo e sinto que você e o Lee (host dad) tem feito o melhor pra me fazer feliz aqui! E eu realmente quero tentar ficar, mas até agora tenho sentido que não tenho muito o que fazer aqui. Além das várias horas off durante o dia, quando as kids então em casa, eu não tenho muito o que fazer! Os dias passam devagar e eu estou sempre entendiada.
Eu sou uma pessoa que gosta de manter-se ocupada e de sentir-se útil… e o fato de não ter muito o que fazer tem me feito pensar muito em minha família, amigos e namorado! Estou com mais saudades do que nunca e também penso na vida que tenho que continuar no Brasil (estudando e trabalhando).
Por isso, quero te perguntar se você tem algum conselho… o que as outras au pairs normalmente faziam para se manterem ocupadas* aqui? (traduzindo*: FELIZES)

Estava com medo, mas graças a Deus, consegui falar tudo isso pra ela hoje… até uma pouquinho mais! Ela foi SUPER compreensiva! Me deu uns conselhos legais e falou que é pra eu pensar em MIM e tomar a decisão certa..! Eu ainda não estou acreditando que a a nossa conversa foi tão tranquila e positiva!!… Ela não gritou ou mandou eu sair de casa – hahaha, como eu estava imaginando!

O Deus, obrigada!!… Estou com o coração BEM mais aliviado!!…

Agora…??? Só preciso decidir!!…

“O homem faz planos, mas a resposta certa vem dos lábios do Senhor.” – Prov. 16:1

“Seja a paz de Cristo o árbitro em vosso coração.” – Col. 3:15

A saudade está tendo fases…

20 set

A saudade sem dúvida é a parte mais difícil desta história de INTERCÂMBIO. É dificil de defini-la, e mais dificil ainda de compreende-la. Dentro de mim, ela tem fases. Tem dias que ela nem incomoda e as memórias boas do passado passam pela minha cabeça e só me fazem sorrir ou apenas PENSAR. Pensar com atenção, lembrar dos detalhes… Sorrir pensando nos detalhes. Entretanto, tem dias que ela sufoca, ela não me deixa nem pensar… Ela só me faz querer voltar pra casa, pegar o primeiro avião e que se dane o RESTO!…. traduzindo: qualquer coisa que não seja o MEU LAR… é RESTO!

Antes de vir pra cá, eu sabia que a saudade viria  comigo. Eu sabia que a partir do momento que eu falasse TCHAU e entrasse naquela portinha do aeroporto, a saudade ia se amarrar em mim e só iria largar quando eu estivesse no Brasil novamente, cercada por aqueles que eu amo. Como eu disse, eu sabia que ela estaria aqui, mas sinceramente… eu não sabia que ela ia se amarrar TÃO forte em mim!… é como se fosse uma corda mesmo… quando ela aperta, ela machuca, ela sufoca, fica dificil até de repirar! Não é drama não gente… a parada dói FISICAMENTE! E nesses dias quando ela aperta… fica dificil de sorrir, de conversar, de fazer qualquer coisa… A gente sente pena da gente mesmo e a vontade de deitar e chorar sem parar é GRANDE. As vezes é tão grande que todo o meu esforço de me fazer de forte vai pro saco e eu me rendo… só choro.

Quando eu estava voltando do Alaska pra NY, eu me deparei em um desses momentos quando a saudade APERTA, SUFOCA… e o choro vem e se nega a ir embora. Eu estava sentada na caderinha esperando o horário do vôo e DO NADA meu olhos encheram de lágrimas e o coração só dizia: “QUERO IR PRA CASA, QUERO IR PRA CASA! POR FAVOR NICOLE, ME LEVA PRA CASA!!”… Eu sabia que eu estava indo pra “casa” e que tinha uma “família” me esperando… mas não era a CASA que eu queria muito menos a FAMÍLIA que, naquele momento, eu estava precisando. Eu comecei a chorar e NÃO CONSEGUIA PARAR. Acho que até assustei as pessoas que estavam ao meu redor! Eu abaixei a cabeça e deixei o cansaço, a saudade e todas aquelas lágrimas tomarem conta de mim. Só levantei a cabeça quando eu escutei que era hora de embarcar. Enchuguei do jeito que pude o meu rosto (com o meu casaco já encharcado) e entrei na fila de embarque. Dentro do avião, a mesma coisa. Assim que sentei, virei o rosto pra janela (pra garantir que ninguem estava me vendo) e as lágrimas vieram novamente… – As danadas só pararam quando eu caí no sono!

CONSOLO: “A alegria pode durar uma noite mas a alegria vem pela manhã” – Salmos 30:55

Estava escrevendo este post e adivinha???? Fui interropida por duas ligações… Primeiro a minha irmã linda me ligou no skype e daí (CLARO) já sacou a minha carinha de mais ou menos, perguntou o que tava acontecendo e eu só respondi entre lágrimas: “Saudade de casa”. Depois de uma conversinha delícia com ela, o sorriso já estava saindo mais facil e o dia melhorou. Assim que acabou a minha conversa com a minha sister, o meu namorado tambem me ligou no skype… e lá se foram mais uma hora e meia de sorrisos 😀

…acredito SIM que de alguma maneira Deus fez eles me ligarem bem nessa hora! Muitas vezzes passo a semana sem ouvir a voz deles… e justo hoje, justo AGORA, os dois me ligaram!!… Deus é BOM! Deus é MUITO BOM!

Continuando o post, agora com um pouco menos de ‘drama’!…:D

De uma maneira especial e diferente, tenho aprendido a apreciar a saudade. Pode parecer frase de doida ou até contradissão… hiauhaiua na verdade, é sim! A saudade faz eu me contradizer de 5 em 5 minutos. Num minuto chorando, no outro correndo e sorrindo. É dificil de explicar… Enfim, vou tentar ajudar vcs a entenderem o meu sentimento com uma frase de uma carta que meu namorado (delícia) me mandou:

“A saudade quase mata a gente mas ao mesmo tempo, ela desperta a nossa atenção pras coisas que às vezes vão ficando esquecidas.”

Quando eu cheguei aqui no comecinho de fevereiro, a palavra SAUDADE já se fazia presente na minha realidade mas eu ainda estava cercada de tantos questionamentos… que nem parava pra reparar na DOR. Eu me perguntava se eu ia aguentar, se ia doer muito, se não ia doer, se ia passar rapido, se ia melhorar conforme o tempo passasse, etc. Depois que passou a fase dos questionamentos, eu entrei na fase da raiva. Eu tinha raiva da saudade. Não queria sentir dor e queria fazer de tudo pra que ela fosse embora. Eu sabia que ela não ia embora, o que me deixava mais frustrada, mas tentava buscar meios de ‘melhorar’ a sensação TÃO ruim que estava dentro de mim. Além disso, eu vivia na esperança de que ela diminuisse – muitas pessoas me falaram que ela diminuiria conforme o tempo passasse – mas não aconteceu comigo!!! Essa fase da raiva, vontade de bater nas coisas, sei la… até que durou bastantinho tempo… mas também passou! Agora eu estou em outra fase 😀 vamos chama-la da fase do ‘Fazer o que?!’. Não é a toa que eu dei um nome mais simpático para esta minha nova fase… sim, estou em um momento ‘melhor’ com relação a saudade! Acho que eu simplesmente aceitei e entendi que a saudade não vai passar, ela não vai melhorar. Ela ainda dói, ainda machuca, ainda me faz chorar… mas o fato de eu não tentar fazer ela ir embora, e não viver na esperança de que ela diminua, fez com que o meu coração ficasse mais tranquilo, mais em paz! Afinal… FAZER O QUE???

Graças a Deus esta ultima fase aí que eu falei… chegou!!! =D Espero que ela continuo ou melhore…

Dia bom…

16 set

Diferente do que alguns podem estar imaginando, nada de SUPER especial aconteceu no meu dia! Não ganhei na loteria ou vi meu namorado ( bom se fosse 😀 )…apenas, nada de RUIM aconteceu! E isso, sem duvida, fez toda a diferença para que meu dia fosse doido de bom!

Acordei hoje cedinho e as minhas kids estavam tranquilas. Os ajudei na hora do café e depois fui brincar com a minha pequeninha. Eu estava com uma energia um pouco fora do normal, brinquei de boneca com ela como nunca tinha brincado antes! Super nos divertimos! Depois disso, a minha pequeninha virou a MINHA boneca… arrumei ela pra ir pra escola, coloquei tudo combinando (meia, calcinha, calça, camiseta e blusa… tudo da Hello Kitty ^^). Fiz o almocinho dela (ela só comeu MILHO o.O) e depois fui esperar o ônibus da escola vir buscá-la. Minha gostosinha linda me deu um abraço e um beijinho tão bom do degrau do ônibus na hora do tchau… LINDINHA!!!

Voltei pra dentro de casa e tudo que eu tenho de ‘empregada’ dentro de mim, resolveu vir pra fora. Limpei a cozinha, coloquei roupa na maquina, troquei os lençois e fiz a cama de cada uma das minhas 4 kids. Depois disso ainda limpei o chão do quarto deles, coloquei as roupas que já estavam lavadas na secadora e daí coloquei mais roupa para lavar.. tudo em UMA HORA 😀 me superei!!

Fiz um miojão pra almoça (lá pelas 13h) e fui sentar na varanda pra curtir o solzinho (hoje estava mais frio dentro de casa do que fora). Além do meu almoço, peguei a minha bíblia e o meu diário. Sentei tranquilinha, comi… e fiquei assistindo as cabrinhas e as galinhas passearem pelo jardim. Assim que terminei, li João 2. Duas coisas chamaram a minha atenção hoje quando li a bíblia… Vou compartilhar aqui com vcs:

  1. No capítulo 1 do livro de João (O último dos 4 evangelhos) alguns homens já seguiam Jesus e eram chamados de seus discípulos. Porém, somente no capítulo 2 é que Jesus opera o primeiro milagre (dentre os VÁRIOS que realizou) – ele transforma água em vinho. Os caras tinham largado TUDO que tinham sem terem visto NADA! Jesus não tinha criado asas do nada, ou sei lá… feito um elefante virar formiga! Ele não tinha feito, até então, nada de suuuper sobrenatural para que alguém o tivesse seguido… Mas, ELES o seguiram.
  2. Lá pelo versículo 15, o livro fala sobre quando Jesus chegou ao templo e algumas pessoas o tinham transformado em uma espécie de mercado (estavam vendendo pombas, bois, etc). Jesus expulsa o povão de lá e daí uns homens chegam pra ele e perguntam: (v.18) “Que sinal miraculoso o senhor pode mostrar-nos como prova da sua autoridade para fazer tudo isso?” (v.19) “Jesus lhes respondeu: Destruam este templo, e eu o levantarei em três dias.”
    Os caras não botaram muita fé no que ele tinha falado pois o templo havia sido construído em 46 anos, ou seja, era impossível reconstruí-lo em três dias… Enfim, mas o que eu mais amei sobre ler essa história foi descobrir que Jesus não estava falando do TEMPLO/CONSTRUÇÃO! Ele estava falando do seu próprio CORPO!
    Jesus, o filho do Deus, provou toda a sua autoridade no terceiro dia, após sua morte, quando ressuscitou!
Depois de ter enchido o meu coração daquilo que mais presta nessa terra (a Palavra de Deus), passei uns 40 minutos escrevendo (tá aí uma coisa que eu descobri que gosto de fazer!! ESCREVER!). Escrevi tudo que vinha na cabeça, o que me alegra, o que me incomoda… lavei a alma!
Passei algum tempo fazendo qualquer coisa e daí tive que voltar ao trabalho! Fiz janta pras minhas kids, fui busca-las no ponto de ônibus, recebi mais 3 abraços deliciosos, brinquei um pouco com a pequeninha (mamiii, brinquei com o grilinho que tú mandou pra ela 😀 ) e daí jantei com os pequenos. Daí em diante só fui me enrolando até ouvir a amada e tão esperada frase do dia: “Nicole, você está livre”.

Fiquei off, vim pro meu quarto e, liguei o computador e o facebook entrou no meu dia!… Dois amigos especiais (que sinto MUITA falta) haviam deixado um recado gostoso e foi simplesmente muito bom sentir-se, de uma maneira diferente e especial, amada. Daí resolvi olhar o álbum da minha amiguinha Lary (que amo de morre!…) e encontrei um foto que tirei com 4 amigonas do Brasil! Caramba, perdi (ou ganhei) alguns minutos olhando aquela foto. Vontade de chorar de saudade. Vontade de abraçar. Vontade de dizer que amo! Que saudade gigantesca…!

Alegria é também saber que tem amizades/pessoas que são pra SEMPRE!

Lá pelas 19h eu resolvi tirar a bunda do chão (onde eu normalmente sento…) e fui caminhar! Peguei o cachorro aqui de casa pra ir comigo e FUI! 😀 O cachorro é gigante e tem apenas 1 ano de idade, ou seja, MUITA energia pra gastar! É bom que ele me puxa quando bate aquela preguicinha e eu paro de correr pra andar devagar! Enfim, voltei aaaah.. louca de feliz, me sentindo muito melhor! (Pausa para desabafo: Eu amo me exercitar, gosto da sensação durante e depois do exercício… mas é TÃO dificil sair de casa. É tão dificil IR! 😛 Pq tenho que ser assim? Sou só eu??).

Tomei um banho longo e quente! Como sempre depois de um banho bom…. me senti NOVA!! Em geral o meu dia fluiu com pensamentos constantemente bons ! O fato de eu ter tido uma devocional (momento que li a bíblia) gostosa, com certeza fez com que minha mente tivesse por alguns momentos pensando em coisas que prestam e não bobeiras. Além disso, ontem eu recebi uma cartinha pelo correio do meu namorado lindo.. e ah, claro que re-li a carta algumas vezes e estou cheia de ‘frases dele’ passando pela minha mente e coração! Outra coisa boooa foi que me controlei bastante com relação a comida 😀 e isso, pra quem está afim de perder uns kilos, faz toooda a diferença 😀

…como eu disse, nada de GRAAAAAAAAANDE aconteceu no meu dia! Mas… eu estou BEM FELIZ! 😀 queria este tipo de dia, TODOS os dias…

Ah, e tem mais!! 😀 Falta 10 minutinhos para o horário combinado com meu namorado para conversarmos no Skype!!… mais um baita motivo pra dormir sorrindo!!!

FDS PRA GASTAR!!!

24 jul

Os meus planos pro fds mudaram umas 5 vezes desde que eu comecei a programa-lo na sexta feira. Podia ter ido pra uma festa com a minha host family, não quis. Podia ter ido no shopping com uma amiga, o carro tá sem óleo. Podia ter ido pra NYC passar o fds, não tinha companhia. Cocô!!!

Depois de um tempo no facebook =D resolvi tudo!

A minha amiguinha brasileira Fernanda estava precisando ir num outlet aqui perto de casa e me convidou pra ir junto!! Nossa, caiu perfeito o convite dela! Faz tempo que to querendo conhecer este outlet e, alem disso, o verão chegou e eu não tenho nenhum vestido descentezinho… =D ou seja, fiquei mega feliz com o que ficou decidido pro meu fds!

Sabado de manhã a minha host me deixou na estação de trem perto da casa da Fernanda e daí fomos juntas GASTAAAAR! =D
Cara, outlet gigaaaante… todas aquelas marcas famosas (que eu não conhecia nenhuma) super caras, tudo pela metade do preço… Hm delicia!!! Claro que o fato de uma calça que custa $700 estar na metade do preço.. não me ajuda muito pq eu NUUUNCA vou pagar $350 por uma calça! Umaaa calça.. sai fora, não pago! Mas enfim, outras mega jaquetas, bonitonas por $40…^^ E, pra alegrar o povão, uns casacos, blusinas por $9 ou menos… oxi, fiz a feira!! haiuhaia fiz muamba em NY =D ninguem precisa saber QUANTO eu gastei.. só sei que me senti chic!!! kkkk…

Mulher fazendo compra não precisa dizer que 5 horas passaram que nem 30 minutos, neh? De lá, fomos pra casa da Fer dar uma descansada. Enquanto estávamos lá, encontramos duas amigas dela no skype e combinamos de ir jantar. Tomamos bainho, nos trocamos, buscamos as meninas e daí fomos procurar um lugar bacana pra comer. Paramos em uma espécia de bar/restaurante gigante que ficava na beira de um rio! Velhoooooo…. MUITO melhor do que a encomenda! Que lugar irado.. nunca tinha visto nada como aquilo! Nem sei como explicar direito, mas super agradavel, musica boa, comida cara maravilhosa, dois ambientes (dentro com AC e fora com vista pro rio), decoraçao MARA…! Altas coisas pelas paredes e, como todo restaurante/bar por aqui nos EUA, televisões por todos os lados passando jogo de baseball!
Uma certa hora da noite, uma banda fera demais começou a tocar, daí altos tiozões começaram a danças… caguei de rir!!! Claro que teve uns americanos que vassoram demais…! Nunca fui numa balada por aqui, mas sei da fama que os americanos tem de dançarem de maneira BEM nojenta!!! Enfim, como era uma parada tanto pra jovem, quanto pra velho, foi sussi… mas cara, eu já fiquei meio assustada com o que vi lá… imagina numa balada de verdade…no escuro?? Misericórdia! 😛
Enfim, conversamos pra caramba, demos muita risada, foi um tempo deliciiiia!!!

Do restaurante, fui pra casa da Fer! Dormi… acordei… e dai ela me levuo pra estação de trem! 😀 Voltei pra casa, com várias sacolas ^^ e um sorriso no rosto!!!…

É bom ficar em casa… mas é bom sair tambem!!! É bom conversar com gente da nossa idade, falar bobeira, falar coisa séria e, depois de um longo dia, sentir vontade de ir pra casa descansar!…além disso tudo, ser recebida com sorrisos e um ‘Senti a sua falta’… não tem preço!!!

In Ksa!

23 jul


Nome de post esquisito, neh?? haiuhaiua… Só fiz isso pq eu já tenho um post aqui com este mesmo título (Em Casa) que fala sobre como é bom sentir-se em casa, a vontade, (bla bla bla) e hoje eu quero escrever sobre ‘sentir-se em casa’ só que a partir de um ângulo diferente! …como não quero utilizar exatamente o mesmo nome… improvisei ^^

Hoje tive muito este sentimento de estar em casa! (quando falo CASA não estou querendo dizer ACHEI QUE ESTAVA NO BRASIL COM A MINHA FAMÍLIA… O que eu quero dizer é que estava a vontade assim como se estivesse na minha casa… com a minha família! ) Passei o dia de biquini andando pra cima e pra baixo (cara, convenhamos, não é todo dia que a gente fica a vontade de biquini na frente do nosso ‘chefe’, neh???) e com o cabelo desgranhado. Depois de entrar e sair da piscina várias vezes, fiquei estirada no sofá (de biquini) enquanto meus meninos jogavam play station. No meio dessa folga toda, meu host chegou em casa e adivinha???

a ) Corri para abraça-lo.
b) Corri trocar de roupa.
c) Corri pra lavanderia pra fingir que tava trabalhando.

Kkkk… NÃOOOO… NADA DISSO!!
Eu continuei ali, bela e formosa!

Depois disso, fui lá fora com meus hosts, enquanto as kids curtiam a piscininha, começamos juntos a lavar o meu futurocarro..! Que coisa mais FAMÍLIA de se fazer!!!  Não sei se é pq a maioria das lembranças que eu tenho relacionadas a lavação de carro envolvem a minha família (pai, mãe, irmã, namorado…), mas me senti muito… sei la… fazendo coisa de FAMÍLIA!

Como se não bastasse isso, a minha host fez hoje um pãozinho doce com canela e um creme em cima que a minha MÃE sempre fazia!!… Cara, sabe AQUELA comida que lembra a SUUUA MÃE??… Enfim, esse paozinho doce é MUIIITO Rosana (Minha Mami Linda)… quase chorei a hora que comi o troço!… Tava Delícia!

Enfim… depois de suar que nem uma porca princesa (calor de 40 graus + passar aspirador = 😛 ), beber litros de suco de limão e checar meu email/facebook… fui tomar banho!! Assim que terminei.. adivinha? =D Minha host me convidou pra assistir filme com eles ( host mom + host dad + 4 kids), no quarto do casal, na cama do CASAL! Velho, tem noção??? Eu só deitei na cama de casal dos meus pais, parentes chegamos ou aqueles casais que a gente chama de TIO/TIA!!… Enfim!! FUI! =D Assisti um filminho louco de bom com os meus pequenos em volta de mim malucos de felizes pq eu estava lá!… lindinhos!!!…E detalhe: tava 100% a vontade com o meu pijaminha *Sonhart (calça cumprida pq o AC tava gelando tudo dentro daquele quarto!!!) 😀

Não sei dizer se tive um dia EM CASA pq muitas coisas fizeram com que eu lembrasse de momentos especiais na minha casinha no BRasil ou pq tive um dia onde eu simplesmente não senti que estava trabalhando!!
Me senti simplesmente… VIVENDO… IN KSA!

Diferente da realidade da maioria das au pairs que eu conheço, eu não sinto que eu TRABALHOOOO aqui!! Eu amo estar com as crianças e manter as coisas organizadas está no meu sangue (herdei da mamãe)… não é um grande sacrifiiicio, sabe? Só sinto as vezes que é trabalho pq simplesmente não posso dormir durante o dia ou acordar a hora que eu quero! Tenho as minhas responsabilidades mas são todas tão naturais que nem preciso de uma agendinha escrito tudo o que eu tenho que fazer! Eu só vou…vivendo! =D

Eu acredito que isso só é possível pq eu e a minha host family combinamos muito, serião!!

Deus caprichou!!! Desde a primeira semana que estou aqui, nada de muito grande mudou! Desde que cheguei, venho fazendo aquilo  que eu acho certo ou aquilo que é normal pra mim… e cara, graças a Deus, tudo está aparentemente certo aos olhos dos meus hosts… Quando pra mim ta limpo, pra eles tbm ta! Quando ta sujo, pra eles tbm tá… Sabe? Isso faz AAAAAA diferença no nosso relacionamento pq eles não ficam me falando tooodo o dia o que eu tenho que mudar ou o que ta certo/errado… Simplesmente a gente tem algo em comum no sangue e pensamos quase exatamente da mesma maneira!!…
Sentir-se assim… oxi, é uma delicia! Não fico 24h me vigiando com medo de que eles reprovem as minhas atitudes… NÃO MESMO!…

Como eu falei… 😀 to IN KSA e isso… não tem preço!

Good news!!

20 jul

Galera =D hoje vou dormir feliz!! To cheia de coisa pra falar mas, como está tarde e eu tenho que dormir, vou complartilhar duas meeeega novidades com vocês!!! E não é tipo.. “Hoje eu tomei um sorvete de carambola com manteiga de amendoim pela primeira vez na vida…”, nãooooo!!!

São duas BAITAS coisas boas =D

PRIMEIRA:

Vocês lembram o que eu tinha agendado para o dia 19 de Julho??

Sim, ONTEM!!!

Meu teste de motoristaaa…

E, como o título deste post já entrega… adivinha???

EU PASSEIIIIIIIIIIIIIIIIIII!!!!!

Sim gente! Depois de ter falhado duas vezes no teste de direção (quando eu morava em PA)… cara, passei!!!

*ainda farei um post explicando direitinho como foi e… o que isso significa pra mim!!! =D… Só uma observação pequena: TOMUITOFELIZ!

SEGUNDA:

To indo pro Alaska!!!

Não, não estou zoando!!!

Acabei de receber 3 email de confirmação!!! 😀 Um confirmando o meu voo de idae volta.. e outros dois confirmando a minha estadia em dois hosteis diferentes!!

kkkk… ainda não to acreditando!!!

…O maravilha… Deus é bom!